Inscrição em pedra pode provar a existência do Templo de Salomão

Cientistas israelitas revelaram o que poder ser a primeira evidência arqueológica do lendário Templo de Salomão, descrito na Bíblia.

Trata-se de uma placa de pedra com instruções para a reparação do edifício, que teria sido feita por volta do século 9 A.C..

A inscrição, feita no alfabeto fenício (povo aparentado aos antigos judeus que habitava o território do actual Líbano), menciona o monarca bíblico Joás, que teria governado o reino de Judá de 835 A.C. a 796 A.C., de acordo com o Segundo Livro dos Reis, no Antigo Testamento.

De acordo com a edição em inglês do jornal israelita “Haaretz”, a inscrição foi analisada por Shimon Ilani, Amnon Rosenfeld e Michael Dvorchik, do Serviço Geológico de Israel. O texto reproduz de forma quase idêntica um trecho do Segundo Livro dos Reis.

A equipe de cientistas ainda estará preparando uma série de artigos sobre a descoberta, mas funcionários da instituição afirmaram que a inscrição é autêntica.

O israelita Gabriel Barkai, arquéólogo da Universidade Barllan, declarou ao “Haaretz” que, se for verdadeiro, o achado “é uma revolução”. “Mas o problema, é que as circunstâncias em que ele ocorreu não são claras. Deveremos esperar pela publicação oficial, quando pudermos examiná-lo cuidadosamente”, afirma o pesquisador.

De acordo com o “Haaretz”, a inscrição teria sido encontrada na região da Esplanada das Mesquitas (ou Monte do Templo), numa escavação feita por palestinos. A placa teria sido vendida a um colecionador israelita, que ainda não foi identificado.

O local da descoberta, por sinal, já está sendo causa de controvérsia política. A inscrição seria a prova de uma ocupação antiga da área do Monte do Templo pelos judeus, o que é negado pelos fiéis muçulmanos.

O local é sagrado para as duas religiões, por ter abrigado os templos judaicos de Salomão e Herodes e porque dali o profeta Muhammad teria subido ao céu.

Um dos trechos traduzidos pelos estudiosos pede que os sacerdotes “recolham dinheiro sagrado para comprar pedras, madeira, cobre e trabalhadores para cumprir os deveres com a fé”. Se isso acontecer, “o Senhor protegerá seu povo com sua benção”.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

EnglishFrenchGermanPortugueseSpanish