Categoria: RLMAD

De uma Loja de S. João

Venerável Mestre, Estimados Irmãos em todos os vossos Graus e Qualidades, Liberto, pelo silêncio, da obrigação de intervir, e reduzida a minha participação a um mínimo essencial, tenho sido em Loja quase só olhos e ouvidos. A boca, uso-a – fora de Loja – essencialmente para perguntar. Tenho aprendido muito...

Msg V:. M:. 1999 – 2000

Uma das vantagens do sistema de sucessão no exercício do ofício de Venerável Mestre informalmente instituído na Loja Mestre Affonso Domingues (e também em muitas outras Lojas, das mais diversas Obediências, ritos e latitudes) é que possibilita ao 1.º Vigilante um ano completo para analisar a Loja, verificar os seus...

Msg. V:.M:. 1996 – 1997

Nota introdutória: Quando fui Venerável a Internet era ainda “uma coisa rara e estranha” e ter um site não era sequer equacionável pois não se sabia bem que perigos podia representar a exposição publica. Hoje não ter um site é coisa de inadaptados. A Mestre Affonso Domingues tem um site...

O Mosteiro da Batalha

Mestre Affonso Domingues, o patrono desta Loja Maçónica ficou historicamente ligado à construção do Mosteiro da Batalha, existindo até uma eventual lenda que o coloca durante aiguns dias debaixo de um abóboda, como prova da sua crença em como a abóboda iria resistir ao seu próprio peso. Admite-se que D....

Encontro das Lojas (tri)gémeas

A Loja Mestre Affonso Domingues está geminada com duas outras Lojas: A Fraternidade Atlântica, Loja da Grande Loge Nationale Française que reúne em Neuilly-Bineau e em que se integram imigrantes portugueses em França, lusodescendentes e franceses com interesse e carinho pela Língua Portuguesa, e a Rigor, Loja da GLLP/GLRP que...

Renovação da Loja

Hoje é um dia especial para a Loja Mestre Affonso Domingues, já que instalamos um novo Venerável Mestre na Cadeira de Salomão e isso significa o renovar da Loja. O Venerável Mestre cessante deixa uma obra por todos reconhecida como notável e cujo contributo para a nossa ordem só pode...

Música em Sessão de Iniciação

Alinhamento musical para uma Sessão no 1º Grau do R:.E:.A:.A:. durante a qual decorreu a Iniciação de Profanos José Ruah MM Desde que assumi o encargo de substituir o Organista Titular por impossibilidade deste, tendo vindo a preparar cada sessão com um tema. Se nas sessões mais simples apenas preparo...

O Conflito de Religiões

1º Congresso Internacional da MaçonariaCCB, 25 de Junho de 2006 Intervenção no tema: O Conflito de Religiões   Como pode a Maçonaria, no seu Universalismo e Tolerância, contribuir para o Amor, a Fraternidade e a Paz entre os Homens, no respeito de cada um pelo seu Deus e pelo Deus...

Cargos de Oficial e Progressão no R:.E:.A:.A:. – Lojas Azuis

Cargos de Oficial e Percursos de ProgressãoR:.E:.A:.A:. – Lojas Azuis Por José Ruah M:.M:. Caríssimos II:. Nem todos os Aprendizes chegam a Companheiro, destes nem todos chegarão a Mestre Maçon. Seguramente que apenas alguns dos Mestres chegarão a Venerável Mestre. E Esta deve ser uma das regras fundamentais de qualquer...

Prancha com tema a designar

V:.M:., e a todos os meus II:. nos vossos Graus e Qualidades, aqui me apresento hoje para vos apresentar uma prancha, espero que no final useis da vossa reconhecida acutilância para a comentarem, questionarem, triturarem e outras coisas acabadas em  “arem”. Por que como vos disse já é minha opinião...

Escultura Gótica

Só no final do séc. XIII se dá a difusão do Gótico em Portugal. Coimbra, a residência dos Reis entre 1139 e 1383 transformou-se, a par Lisboa e Évora, num dos principais centros da arte escultórica gótica. A quantidade de trabalho devia-se essencialmente à escultura tumular, que deve alguma das...

EnglishFrenchGermanPortugueseSpanish