Autor: Rui Bandeira

A Lenda do Ofício – análise crítica: Abraão

O Sacrifício de Abraão – Capela Palatina do Palazzo dei Normanni, em Palermo Depois de ter referido o estabelecimento da Maçonaria na Caldeia, a Lenda do Ofício efetua uma rápida transição para a sua introdução no Egito. Fá-lo através da invocação de um personagem que a Bíblia efetivamente regista ter...

A Lenda do Ofício – análise crítica: Nimrod

Nimrod A Lenda do Ofício – análise crítica: Nimrod Depois da Torre de Babel, mas continando por terras entre o Tigre e o Eufrates, prossegue a Lenda do Ofício: E o rei da Babilónia, que se chamava Nimrod, era ele próprio um maçon; e amava bem a ciência, e isto...

A Lenda do Ofício – análise crítica: A Torre de Babel

A Torre de Babel – Pieter Bruegel A Lenda do Ofício – análise crítica: A Torre de Babel No último texto, vimos como a Lenda do Ofício relata o achado por Hermes Trimegisto de um dos pilares contendo os ensinamentos de todas as ciências registados antes do Dilúvio e que...

Grão-Mestre de Honra ad vitam

O Muito Respeitável Grão-Mestre, por Decreto de 19 de dezembro de 2009, nomeou Grão-Mestre de Honra ad vitam o Muito Respeitável Irmão Thomas W. Jackson. O M:. R:. I:. Thomas W. Jackson é Antigo Grande Secretário da Grande Loja da Pennsylvania e o atual Secretário Executivo da Conferência Mundial das...

Décimo oitavo V:.M:. – J. P. Setúbal

O décimo oitavo Venerável Mestre exerceu funções entre o segundo sábado de setembro de 2007 e idêntico dia de 2008. Dispensa aqui apresentações, pois é bem conhecido dos leitores deste blogue, de que é fundador. O décimo oitavo Venerável Mestre foi o nosso bem conhecido, e atual “animador” de fim...

Os Símbolos, os Mitos e o Aprendiz

Meus Irmãos: Ao fim de mais de ano e meio como Aprendiz, ao fazer a minha primeira prancha e logo no Solestício de Verão, sinto a responsabilidade de demonstrar tudo aquilo que deveria ter, não só aprendido, como introjectado, do conhecimento esotérico do Maçon que quero ser, na Maçonaria a...

A Lenda do Ofício – análise crítica: Hermes

Prosseguindo a análise crítica da Lenda do Ofício e da sua compatibilidade com a História, deparamos, após a referência aos filhos de Lamech e aos pilares por eles construídos, com a seguinte passagem. O nosso propósito é contar-vos com verdade como e de que maneira foram encontradas as pedras em...

A Lenda do Ofício – análise crítica: antes do Dilúvio

Tendo presente os limites e condicionalismos que apontei no texto anterior, vamos então tentar proceder a uma análise crítica do início da Lenda do Ofício. Para que estejamos identificados, recordemos, então, o que nessa Lenda reza quanto aos tempos antediluvianos: Vou contar-vos como estas valiosas ciências apareceram. Antes do Dilúvio...

A Lenda do Ofício – análise crítica: Introdução

Uma análise do ponto de vista histórico da Lenda do Ofício deve ser feita segundo as regras da Ciência da História. E regra básica desta ciência é que a História é constituída por FACTOS – não lendas, nem mitos, nem hipóteses, nem probabilidades. Factos! Este o alimento da História e...

A Lenda do Ofício – 2.ª parte: a Idade Média

Continuo a divulgação, em tradução livre minha, da Lenda do Ofício, a lenda da origem da Maçonaria, tal como consta no manuscrito Downland, um manuscrito da maçonaria operativa, que se considera datar de cerca do ano 1.500. Relembro que, ao tempo, e conforme se verifica de vários manuscritos da maçonaria...

A Lenda do Ofício – 1.ª parte: Antiguidade

O manuscrito Downland, que se pensa datar de cerca do ano 1.500, é um dos manuscritos da maçonaria operativa que foram encontrados e estudados. Nele está, além do mais, transcrita a Lenda do Ofício a lenda da origem da Maçonaria (não esquecer que, conforme assinalei em Maçonaria = Geometria =...

EnglishFrenchGermanPortugueseSpanish